sábado, 4 de janeiro de 2014

O Preço da Liberdade e a Fuga de Peniche...


Hoje, no famigerado Forte de Peniche, foi recriado um dos episódios mais marcantes da resistência contra o Estado Novo e o regime salazarista: a célebre "Fuga de Peniche" que, em 3 de Janeiro de 1960, arrancou à tortura da PIDE: Álvaro Cunhal, Jaime Serra, Carlos Costa, Joaquim Gomes, Francisco Martins Rodrigues, Francisco Miguel, Guilherme da Costa Carvalho, José Carlos, Pedro Soares e Rogério de Carvalho - foi ainda integrado na fuga, para efeitos de proteção, o GNR que ajudou a operacionalizar a fuga, José Jorge Alves (ler aqui). Testemunho de que a coragem desafia todos os muros e encontra formas de devolver a dignidade às pessoas e às populações, a iniciativa da recriação histórica da Fuga de Peniche, inscreve-se na comemoração do 40º aniversário do 25 de Abril... Quanto ao documentário que aqui partilho, refira-se que é uma fonte documental verdadeiramente impressionante não apenas pela narrativa talentosa da intrépida estratégia da fuga (com pormenores interessantíssimos e curiosos que só a vivência permite conhecer e transmitir) mas, de forma essencial, pela crueldade das realidades descritas, cujo valor inestimável para a construção da História do país que também somos, não podemos ignorar, nem devemos esquecer!... para que nos não apaguem a Memória e, consequentemente, a Identidade!  Incontornável é também a Homenagem justa e devida que nos permite aos sobreviventes Carlos Costa  e Jaime Serra!

Sem comentários:

Publicar um comentário